Museu de Santa Maria

Dezembro 2021

DOMSEGTERQUAQUISEXSÁB
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Exposição "A Diáspora no Feminino"

O Museu de Santa Maria tem patente a exposição "Diáspora no feminino - Entre linhas e pontos: o alfabeto das esquecidas"
"Diaspora Women - Threads and stitches: a forgotten alphabet", da autoria de Humberta M. Araújo.


Enquanto a neve cai e o inverno amadurece, elas encontram-se à volta da mesa. Partilham chá, biscoitos ou massa sovada. Lembram as mães e as avós, e as suas infâncias há muito perdidas, pelas ilhas. Recordam os casos e as vidas, o enganar da fome e do frio, enquanto alinhavavam saias e vestidos, aprendiam a bordar, a fazer renda e malha. Aproveitando o luar, as lamparinas a óleo de baleia, ou o candeeiro a petróleo, faziam-se mulheres para o seu pequeno mundo.
Depois vieram as cartas de chamada, ou os noivos prometidos das Américas, e lá partiram de malas feitas, levando consigo um rico manancial de tradições. Na nova terra, eram os gestos comuns e a repetição dos rituais das ilhas, que davam sentido à vida. Com o tempo, fizeram-se aos invernos, às grandes cidades, às novas línguas e gentes.
Envelheceram e, o mundo que muitas construíram desmoronou-se. Ficaram sós procurando conforto nos encontros da semana, na companhia de outras mulheres nos poucos centros de dia, onde a língua comum é ainda partilhada, assim como o são os sabores e as artes. Repetem-se as estórias de como as coisas eram e foram, comungam-se heranças e passam-se as horas ecoando os gestos monótonos das linhas e das lãs, das agulhas e dos dedais, dos alinhavos e dos retalhos.
 “Vai tudo para o lixo depois, porque os filhos e as filhas, os netos e as netas nada querem saber das colchas, dos bordados, das mantas, das sueras e das almofadas, cuja paciência esgota o tempo, mas não a saudade. ”
Para que esta forma calada e teimosa de resgatar o tempo e a memória não acabe por criar bolor e dar guarida à traça, neste mês de marco, o mês da Mulher, ficam aqui alguns retratos da Diáspora no feminino, feita entre linhas, pontos e silêncios. As obras de arte destas mulheres, que ostentam com orgulho e ciência, são alfabetos secretos à espera de serem descodificados e honrados. 
 

Local
Núcleo do Museu de Santa Maria em Vila do Porto
Data Inicial
2021-10-06
Data Final
2021-09-02
Hora Inicial
09:00
Hora Final
18:00
Voltar atrás

Optimizado para as últimas versões dos browsers:
Microsoft Edge, Google Chrome, Safari, Opera e Firefox

Desenvolvido pela Salworks